• 5 de dezembro de 2016
  • 0

Governo Marcelo Jorge contrata 3ª proposta mais cara

João Jorge era 'operador' e o 'homem do cofre'.

João Jorge era ‘operador’ e o ‘homem do cofre’.

A Prefeitura de Godofredo Viana sob a gestão do prefeito Marcelo Jorge (PTB), afastado do cargo até o fim do mandato, oficializou em 2013 um contrato com o Posto José Bonifácio II, por R$ 844 mil, para aquisição de combustíveis e lubrificantes. A mesma empresa era uma das participantes de uma concorrência pública aberta no mês janeiro daquele ano e havia oferecido somente a terceira proposta mais vantajosa entre as três que ofereceram propostas, por meio de pesquisa de preço, antes de o certame ser aberto pela Secretaria Municipal de Planejamento, Administração e Finanças, comandada por João Jorge Neto, irmão do prefeito afastado.

O blog tomou conhecimento que o Ministério Público já investiga uma série de contratos fraudulentos no município, mas ainda não sabe se essa contratação especifica consta entre as que estão sendo investigadas. Na semana passada mostramos, por meio de documentos, que o certame estaria cercado de suspeita. As irregularidades podem ter motivando atrasos de salários dos servidores municipais que acabaram resultando no afastamento do prefeito Marcelo Jorge.

>>Irmão de Marcelo Jorge é suspeito de fraudar licitação

>>Prefeito de Godofredo Viana emprega doador de campanha na Prefeitura

Das três empresas que se interessaram em participar da licitação apresentando as propostas dos preços apenas a venceu contrato participou do pregão. As outras duas apresentam endereços distantes o que poderia inviabilizar o abastecimento dos veículos oficiais, mas mesmo assim se interessaram em participar do certame. Uma é o Auto Posto Shalon cuja razão social é M. R. de Almeida & Cia Ltda e outro é a empresa D. de Oliveira – Comercio e Serviços – ME cujo nome de fantasia é Posto Sucesso. A primeira empresa, segundo consta no cartão CNPJ, fica na BR-135, povoado Barbatana, município de Miranda do Norte; já a segunda empresa fica na Rua Antônio Ribeiro, 150, Centro, na cidade de Pirapemas.

Posto de Miranda do Norte queria ‘abastecer’ carros em Godofredo Viana.

Posto de Miranda do Norte queria ‘abastecer’ carros em Godofredo Viana.

 

 

Posto de Pirapemas também queria ‘abastecer’ carros em Godofredo.

Posto de Pirapemas também queria ‘abastecer’ carros em Godofredo.

Com a maior proposta, posto de Godofredo Viana 'venceu' a 'licitação'.

Com a maior proposta, posto de Godofredo Viana ‘venceu’ a ‘licitação’.

O direcionamento de algumas licitações também era comum durante os processos realizados na gestão Marcelo Jorge. Os documentos sobre a licitação de aquisição de combustíveis e lubrificantes reforçam ainda mais a fraude para viabilizar vitórias de empresas supostamente indicadas por João Jorge.

Em janeiro de 2013, a comissão de licitações da Prefeitura deu andamento ao pregão presencial 009/2013. Três empresas encaminharam propostas com valores diferenciados: o Auto Posto Shalon ofereceu proposta no valor de R$ 852 mil. O segundo preço mais vantajoso foi do Posto Sucesso no valor de R$ 854 mil. O Posto José Bonifácio II foi a terceira e última proposta mais cara no valor de R$ 868 mil, porém, foi considerado vencedor porque foi à única que participou do processo licitatório que foi um dos muitos que não estavam imunes às irregularidades.

OPERADOR DOS CONTRATOS
Conhecido como ‘operador’ e ‘homem do cofre’, João Jorge realizou doações para a campanha do irmão prefeito nas eleições de 2012 que somam R$ 5 mil. As doações renderam a ele o cargo de secretário Municipal de Planejamento, Administração e Finanças. Ele é o responsável, por exemplo, pela movimentação de todas as contas da Prefeitura. Nos últimos quatro anos, a pasta comandada por ele, realizou vários contratos entre os quais o blog vai começar a revelar nos próximos dias. Aguardem!

Leia mais notícias em blogdoantoniomartins.com e siga nossa página no Facebook. Envie fotos, denúncias e informações ao blog por WhatsApp pelo telefone (98) 99158 6766.

Deixe o seu comentário