• 4 de Fevereiro de 2015
  • 0

Bacabeira: Empresa fantasma doou R$ 6 mil para a campanha de Alan Linhares

De olho nos contratos firmados pelo prefeito Alan Linhares, imprensa nacional pode visitar o município de Bacabeira  para tentar descobrir o que todos querem saber: “Cadê o dinheiro que estava aqui?”

Responsável pela produção do cronograma de eventos da Prefeitura de Bacabeira, a empresa G.K.F.Lago-ME que assinou contrato com o Município no valor de R$ 1.376.500,00 (hum milhão, trezentos e setenta e seis mil e quinhentos reais), para prestação dos serviços, fez uma doação de R$ 6 mil para a campanha política do prefeito Alan Linhares (PTB) nas eleições de 2012.

Cada um dos doadores da campanha de Alan Linhares estão destacados em cores diferentes. Todos assinaram contratos com a Prefeitura, conforme vai revelar esta matéria.

Cada um dos doadores da campanha de Alan Linhares estão destacados em cores diferentes. Todos assinaram contratos com a Prefeitura, conforme vai revelar esta matéria. [Clique na imagem para ampliar].

Conforme o blog já revelou em postagens anteriores, no endereço da empresa informado à Receita Federal, existe na verdade, uma residência, com nenhuma característica que sequer lembre o funcionamento de uma empresa responsável por um serviço de R$ 1,3 milhão na prefeitura bacabeirense, administrada pelo prefeito Alan Linhares (PTB). Não há placa, adesivo ou pintura que identifique. É apenas uma residência, localizada na Rua São Geraldo, nº 505, Qd. 26, Olho D’água, bairro nobre de São Luís.

A G.K.F.Lago firmou contrato com a administração do prefeito Alan Linhares (PTB), no dia 18 de fevereiro do ano passado para prestação de serviços referentes à produção dos eventos do cronograma 2014, embora na mesma data estivesse em vigor o contrato com a M.A.S. Pereira-ME, que também prevê execução do mesmo serviço: a produção dos eventos do cronograma. Os dois contratos assinados no mesmo dia pela secretária Municipal de Administração, Vilany Oliveira Rodrigues, somam quase R$ 2 milhões.

O primeiro contrato, no valor de R$ 1.376.500,00 (hum milhão, trezentos e setenta e seis mil e quinhentos reais), beneficiou a empresa G.K.F.Lago-ME. Já o segundo contrato, no valor de R$ 220.000,00 (duzentos e vinte mil reais), foi firmado com a empresa M.A.S. Pereira-ME, situada na Rua da Saúde, nº 181, Maiobinha – São José de Ribamar/MA.

Estranhamente, os extratos dos contratos firmados ano passado, foram publicados no Diário Oficial do Estado (DOE) do dia 19 deste mês, o que sugere que o prefeito Alan Linhares estaria pretendendo continuar com o mesmo esquema lucrativo também em 2015, conforme os documentos em anexo.

MAIS ESQUEMA
A empresa fantasma G.K.F.Lago-ME não foi a única que fez doações para campanha do prefeito Alan Linhares (PTB) nas eleições de 2012 e vem faturando alto nos negócios com a Prefeitura de Bacabeira.

Levantamento realizado pelo blog, com base em dados oficiais do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e Extratos de Contratos publicados no Diário Oficial do Estado (DOE), confirma que outras duas empresas que mais colaboraram com a eleição do petebista também vem mantendo transações lucrativas com órgãos da administração direta do Município.

Pelo menos dois outros financiadores da campanha do petebista já contabilizaram uma receita de mais de R$ 6 milhões de reais nas negociações com o governo municipal, se forem somadas apenas os três primeiros anos de mandato de Alan Linhares na prefeitura bacabeirense.

No cruzamento de dados da prestação de contas entregues à Justiça Eleitoral, o blog observou que, a relação virou um verdadeiro ‘toma lá, dá cá’, entre doadores [hoje fornecedores] com o poder público municipal de Bacabeira.

DOAÇÃO VIROU NEGÓCIO
Detalhes das prestações de contas apontam, por exemplo, a empresa Joel M da Silva Comercio – ME [Restaurante Serv Bem], como um dos financiadores de Alan. No dia 27 de setembro de 2012, a empresa fez doações no valor de R$ 18.000,00, e depois doou mais R$ 530, no dia 05 de outubro do mesmo ano.

2

No entanto, em 2013, o lucro do Serv Bem em negócios com a prefeitura, já era de vinte vezes mais. Conforme documentos em anexo, após as eleições de 2012, o restaurante faturou, em contratos com o Município, pelos menos R$ 510.750,00. No dia 03 de junho de 2013, a empresa foi contratada pela Prefeitura para fornecer quentinhas e lanches para atender atividades e eventos das Secretarias.

OUTROS FINANCIADORES
O empresário Domingos dos Santos Ferreira é outro que vem faturando alto após as eleições de 2012. Ele que é proprietário da empresa D. dos Santos Ferreira-EPP, fechou com a Prefeitura para prestar serviços técnicos especializados de assessoria contábil e administrativa para os órgãos da administração.

O contrato assinado, no dia 29 de janeiro de 2013, soma o valor de R$ 334.297,60. Curioso é que o proprietário da empresa aparece como doador de campanha do prefeito Alan Linhares, com sete depósitos em espécie.

1

A primeira doação em deposito foi efetuada no dia 30 de agosto de 2012, no valor de R$ 20 mil; a segunda, no dia 03 de setembro, no valor de R$ 5.622; a terceira de R$ 10 mil, no dia 11 de setembro; a quarta no valor de R$ 17.500, no dia 05 de setembro; a quinta no valor de R$ 10 mil, no dia 14 de setembro, a sexta, também no mesmo mês de setembro, no valor de R$ 20 mil e a sétima doação no valor de R$ 21.500, efetuada no dia 25 de outubro do mesmo ano Juntas, as doações totalizam R$ 104.622. O valor do contrato representa quase três vezes o que foi investido pela empresa na campanha do prefeito.

MAU USO DO DINHEIRO
O blog ressalta que não existe dispositivo legal que impeça empresas contratadas por administrações públicas de fazer doações para campanhas eleitorais – desde que elas tenham sido contratadas mediante licitação. Porém, observamos que, cruzamentos de dados como esse podem revelar pistas de mau uso dos recursos públicos.

Deixe o seu comentário