• 5 de Maio de 2015
  • 0

Caso Laura: Motorista disse que não estava bêbado no momento do acidente

diegoO motorista Carlos Diego Araújo Almeida, de 22 anos, responsável pelo acidente que causou a morte da menina Laura Burnett Marão, de 8 anos, prestou depoimento na manhã desta terça-feira (5), na Delegacia Especializada de Trânsito, em São Luís. Segundo a polícia, durante o depoimento, ele disse que havia ingerido bebida alcoólica no dia do acidente, mas que no momento da colisão ele não estava embriagado.

O depoimento estava marcado para a manhã dessa segunda-feira (4), mas foi adiado pela delegada por uma “incompatibilidade de endereços”. Segundo ela, dependendo do depoimento de Carlos Diego, ele poderá responder por embriaguez e por homicídio doloso ou de trânsito. Para ser liberado no dia do acidente, segundo a delegada, ele pagou a fiança de R$ 800,00.

O depoimento de Carlos Diego diverge com a constatação da Secretaria Estadual da Segurança Pública (SSP), que disse que, no momento do acidente, o motorista perdeu o controle ao dirigir sob efeito de álcool.

Entenda
Laura Burnett Marão sofreu traumatismo craniano após o veículo conduzido por Carlos Diego Araújo Almeida bater, em alta velocidade, na traseira do carro onde ela estava com dois irmãos e o pai, na madrugada do dia 26 de abril.

O motorista foi encaminhado ao Plantão Central do Cohatrac, onde foi autuado em flagrante, pagou fiança e foi liberado. A criança ficou quatro dias internada em um hospital particular da capital, mas não resistiu e morreu na manhã do dia 30.

Fonte: G1 Maranhão

Deixe o seu comentário