• 28 de Fevereiro de 2015
  • 0

Diretor de presídio é exonerado por regalias a presos

Foi exonerado o diretor da Unidade Prisional de Balsas, Moisés Mota, região sul do Estado, nesta quinta-feira (27), durante uma revista do grupo de operações penitenciárias na unidade. A direção do presídio estava sendo investigado por regalias de presos.

Funcionário já estava sendo investigado

Segundo Moisés Mota, quando a equipe de policiais chegou , ele ainda não sabia que tinha sido exonerado e nem que a revista seria feita naquele momento. “O novo secretário deve ter mandado. Eles [os policiais] não vão encontrar armas, mas pode ser que eles encontrem celulares ou drogas, até porque em todas as unidades encontram”, argumenta.

Durante a revista de três horas de revista, a polícia recolheu celulares e facas encontrados nas celas. “Posteriormente, nós teremos o resultado de toda essa operação, porque as revistas vão continuar. Elas são resultado de denúncias feitas contra presos, principalmente contra uma traficante foi encontrada com uma mala cheia de maconha e que, segundo ela, foi uma ordem que veio de dentro do presídio”, diz o comandante Major Juarez Medeiros.

Há um ano, a direção da Unidade Prisional de Balsas estava sendo investigada por denúncias de regalias par presos. No fim do ano passado, form encontrados drogas, celulares e até uma churrasqueira. Os presos estariam promovendo festas, encontros íntimos e consumindo bebida alcoólica dentro do presídio.

Deixe o seu comentário