Severino Sales representa o prefeito Edivaldo Holanda Júnior em audiência pública

  • 6 de Abril de 2015
  • 0

O secretário extraordinário de relações parlamentares, Severino Sales, representou o prefeito Edivaldo Holanda Júnior, em audiência pública realizada na manhã desta segunda-feira (6), no plenário  Simão Estácio da Silveira, na Câmara Municipal de São Luís. A Reforma Política foi o tema do encontro que reuniu políticos e representantes de diversos setores da sociedade.

IMG-20150406-WA0007

O secretário extraordinário de relações parlamentares, Severino Sales, representa o prefeito Edivaldo Holanda Júnior em audiência pública

Entre os participantes estão: o presidente da OAB, Mário Macieira; o vice presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB); Dom Belisário, o presidente da FAMEM; Gil Cutrim; o presidente da CUT-MA, Maria Adriana Oliveira; deputado federal Weverton Rocha (PDT); deputada estadual, Valéria Macedo; o secretário de estado de assuntos Políticos e Federativos, Márcio Jerry; secretário de Governo da Prefeitura Municipal de São Luís, Lula Filho; presidente do Tribunal de Justiça do Maranhão, desembargadora Cleonice Freire; presidente do Tribunal de Contas do Estado, Jorge pavão e o presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão, Antônio Guerreiro Júnior.

Segunda-feira é dia de debater sobre a “Reforma Política” na Câmara

  • 5 de Abril de 2015
  • 0

Audiência pública vai tratar de pontos da Reforma Política, nesta segunda-feira (6), no Plenário Simão Estácio da Silveira, na Câmara Municipal de São Luís. O evento deve contar com participação da classe política e diversos seguimentos da sociedade. Financiamento público de campanha, paridade, reeleição entre outros temas serão debatidos.

audiencia publica

Entre os participantes vão estar o presidente da OAB, Mário Macieira; o vice presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB); Dom Belisário, o presidente da FAMEM; Gil Cutrim; o presidente da CUT-MA, Maria Adriana Oliveira; deputado federal Weverton Rocha (PDT); deputada estadual, Valéria Macedo; o secretário de estado de assuntos Políticos e Federativos, Márcio Jerry; secretário de Governo da Prefeitura Municipal de São Luís, Lula Filho; presidente do Tribunal de Justiça do Maranhão, desembargadora Cleonice Freire; presidente do Tribunal de Contas do Estado, Jorge pavão e o presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão, Antônio Guerreiro Júnior.


Com informações do Jornal Pequeno.

Quatro presos são resgatados do Complexo Penitenciário de Pedrinhas em ação ousada

  • 5 de Abril de 2015
  • 0

corda02

Corda utilizada pelos bandidos para escalarem o muro da penitenciária

Quatro presos foram resgatados do Centro de Detenção Provisória (CDP), no Complexo Penitenciário de Pedrinhas, em São Luís, na madrugada deste domingo (5). A informação foi confirmada pela Secretaria de Segurança Pública do Maranhão (SSP-MA).

veiculo

Carro abandonado após a fuga dos bandidos

Segundo a SSP-MA, homens armados, que ocupavam dois veículos, estacionaram em frente ao Complexo Penitenciário e atiraram contra as guaritas de segurança. Houve troca de tiros com homens do Batalhão de Choque, mas quatro detentos conseguiram escapar usando uma corda.

Ao passarem pelo posto da Polícia Rodoviária Federal (PRF), o grupo efetuou disparos contra os policiais de plantão. Houve troca de tiros e um um policial foi atingido no pé. Um veículo usado na fuga foi abandonado no Campo de Perizes.

Fonte: G1 Maranhão

Sargento da PM é baleado durante tentativa de assalto na Cidade Operária, em São Luís

  • 4 de Abril de 2015
  • 0

pmbaleado

Veículo usado por assaltantes para cometerem o crime contra o policial

Um sargento da Polícia Militar, identificado apenas como Samuel, foi baleado na tarde deste sábado (4), na Cidade Operária, em São Luís (MA), durante tentativa de assalto a um estabelecimento comercial. A vítima teria reagido à ação de cinco criminosos. Ele foi ferido no peito.

Segundo o major Aritanã, comandante do 6º Batalhão da PM, cinco homens armados estavam praticando assaltos em diversas ruas da Cidade Operária. O sargento estava estacionando o carro quando foi surpreendido pelos bandidos que tentaram assaltá-lo. Ele reagiu e acabou baleado no peito. Os criminosos fugiram sem conseguir roubar o policial.

A vítima foi socorrida e levada para o Hospital Clementino Moura (Socorrão II), no bairro da Santa Efigênia, onde foi submetido à cirurgia e segue em observação. A polícia continua as buscas aos suspeitos pelo crime.

O veículo usado no crime foi abandonado na Santa Bárbara, mas três menores que participaram do assalto acabaram sendo apreendidos durante operação realizada pelo 6º BPM, com apoio do Batalhão de Choque, Grupo Tático Aéreo  (GTA), Serviço de Inteligência e Grupo Tático Móvel (GTM).

“Eles nem sabiam que Samuel era policial. Ele estava indo ao comércio quando os bandidos investiram contra ele para roubar o seu carro. Ele reagiu e acabou sendo baleado. Ainda tem dois suspeitos foragidos, mas vamos prendê-los também”, explicou o major Aritanã.

Os menores foram encaminhados para a Delegacia da Cidade Operária, onde será feito o procedimento de apreensão e, posteriormente, o encaminhamento para a Delegacia do Adolescente Infrator (DAI).

Fonte: G1 Maranhão

Gaeco e Polícia Civil confirmam Soliney Silva entre os envolvidos com agiotagem no MA

  • 4 de Abril de 2015
  • 0

Um lista conjunta do Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas (Gaeco) do Ministério Público (MP) Estadual e da Delegacia Geral de Polícia Civil, que serviu como base para a reabertura do inquérito que levou à prisão a ex-prefeita de Dom Pedro, Maria Arlene Barros, e o seu filho, Eduardo DP, confirma a inclusão do prefeito de Coelho Neto, Soliney Silva (PRTB), entre os investigados por participação da rede criminosa de agiotagem no Maranhão.

agiota

Embora a lista não identifique os nomes dos 41 prefeitos e ex-prefeitos envolvidos no esquema que escamoteava verbas da educação e da saúde, as investigações da Superintendência Estadual de Investigações Criminais (Seic) se concentram unicamente no período de 2009 a 2012, ano em que Soliney já comandava o município.

Desde o início da Operação Imperador, deflagrada no final de março deste ano e que incluiu o nome de mais uma prefeitura da máfia da agiotagem, o prefeito de Coelho Neto tenta se valer de uma certidão emitida em maio de 2013, que teria sido dada pela própria Delegacia Geral de Polícia Civil, mas em atendimento a uma solicitação protocolar, apenas para não atrapalhar as investigações, que correm em sigilo.

Soliney Silva e outros 41 gestores tiveram seus sigilos bancários e fiscais quebrados pela Justiça, e podem, ao final do inquérito, responder por crimes como associação criminosa, lavagem de dinheiro, peculato e corrupção ativa e passiva.

Além de prefeitos e ex-prefeitos, as investigações da Seic também apuram o envolvimento de empresários, nomeados pelo governador Flávio Dino (PCdoB), deputados estaduais e vereadores de São Luís na máfia da agiotagem.

Fonte: Atual 7