Servidor da prefeitura é exonerado após ser acusado de cobrar propina

O ex-servidor público Raimundo Silvino Gonçalves Ferreira, que trabalhava na Superintendência de Convênios e Projetos, órgão subordinado à Secretaria Municipal de Educação (Semed), responsável pelos recursos das escolas comunitárias da capital através do Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae); do Programa Nacional de Alimentação de Creches (Pnac) e do Fundo de Manutenção da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais do Magistério (Fundeb), foi exonerado do cargo no inicio deste mês. O ato de exoneração assinado pelo prefeito Edivaldo Holanda Júnior, foi publicado no Diário Oficial do Município, do dia 2 de janeiro, conforme documento em anexo.

unnamed (5)

Segundo informações obtidas pelo blog, Silvino é acusado de cobrar propina de um líder comunitário que tem a entidade conveniada junto à Semed. O caso que chegou a ser gravado mostra o ex-funcionário público pressionado a vitima a liberar o dinheiro.

O áudio da conversa que acabou vazando pelo WhatsApp, compromete diretamente o secretário Geraldo Castro e o prefeito Edivaldo Holanda Júnior, o mesmo que durante a posse em 1º de janeiro de 2013, prometeu tratar corrupção como crime hediondo. Na gravação, o ex-funcionário cita, inclusive, o nome do secretário.

10947482_834826329921822_548936546_n

A exoneração era a chave que faltava para explicar um esquema de chantagens para pagamento de propina que possivelmente já estaria ocorrendo dentro da Secretaria Municipal de Educação desde o inicio da atual gestão. Desde 2013, quando o prefeito Edivaldo assumiu a Prefeitura, a Semed vem sendo comandada pelo PCdoB, partido que tem o governador Flávio Dino como principal líder de referência.

OUTRO LADO
O blog entrou em contato com todos os citados nessa matéria, mas até o fechamento deste post ninguém havia sido localizado para comentar as denúncias.

MAIS
Aguardem o áudio com a gravação do caso que pode atingir diretamente o secretário Geraldo Castro, o PCdoB do governador Flávio Dino e o governo da mudança do prefeito Edivaldo Júnior!

1 comentário

  • meton

    25 de Março de 2015 08:59:29

    agora q tá pior. Saiu da prefeitura mas está usando o talão de cheques da escola Luiz Viana que a mulher dele é diretora e do salomão fiquene q a amiga íntima é diretora, as duas por indicação dele, pra comprar carro, dar entrada em apartamento. Não adiantou nada a exoneração. .kkkkkkkk

Deixe o seu comentário